O processo de scan 3D é bastante trabalhoso e demorado, principalmente quando se usa um scanner com laser de varredura de linha. O trabalho fica bem mais rápido quando se usa SLS (Structured Light Scanning) ou varredura com luz estruturada. Nesse tipo de implementação, utiliza-se um projetor DLP em vez de um laser de linha motorizado.

À esquerda um projetor DLP (Digital Light Processing) para projetar os padrões de luz estruturada. Á direita uma webcam C-615 hackeada para adaptação da lente do tipo c-mount.
Teste de scan do meu rosto (mesmo objeto da primeira imagem no topo do artigo). Foi feito com uma varredura de poucas passadas e rápidas, para evitar ruídos por movimentação.
Nuvem densa de pontos gerada pela junção alinhada de várias varreduras ao redor do objeto original.
Malha gerada pelo processamento da nuvem densa de pontos.
Textura de estudo e inspeção aplicada à malha para observação dos detalhes no objeto 3D.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *